Sucesso Do Filme 12 Anos De Escravidão Alavanca A Venda Dos Livros

Oi, oi amores! Em menos de um mês, as duas editoras que publicaram as memórias de Solomon Northup, distribuíram suas tiragens iniciais e já solicitaram a impressão de novas cópias. Companhia das Letras, com 15 mil livros e Seoman, com 10 mil cópias das respectivas tiragens iniciais, mandaram imprimir mais 5 mil exemplares cada um.



O sucesso é atribuído ao desempenho do longa na última premiação do Oscar, na qual “12 anos de Escravidão” faturou três estatuetas por melhor filme, atriz coadjuvante (Lupita Nyong'o) e roteiro adaptado (John Ridley).

Livro e filme contam a história real de Solomon Northup, nascido livre em Nova York e que, em 1841 foi atraído para Washington D.C com uma promessa de emprego. Lá foi drogado, espancado e vendido como escravo, passando os doze anos seguintes em cativeiro, trabalhando em uma plantação de algodão em Louisiana. Após o resgate dedicou-se a escrever suas memórias, que obteve sucesso quase imediato com o registro detalhado de seu período como cativo.


Oi, oi amores! De acordo com a Folha de São Paulo, os efeitos do sucesso do filme “12 anos de Escravidão” estão alavancando as projeções de vendas do livro homônimo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Quer me fazer feliz, ou curtiu a matéria? Comente! Sua opinião é o mais importante! Ah, deixe seu link que terei prazer em retribuir o carinho ;)

© Nome do seu Blog - 2016 | Todos os direitos reservados.
Desenvolvimento por: Jaque Design | Tecnologia do Blogger.
imagem-logo