{Lá Vem Resenha} O Filho da Natureza


Autor(a): Isis L.M.J

Editora: Arwen

Páginas: 263


Sinopse: “Vocês já ouviram falar naquele ditado de que tudo o que vai, pode voltar? Então, vou lhes contar uma história e quem sabe assim poderão entender melhor as minhas palavras...”.
Em um passado não muito distante, a natureza decidiu varrer a humanidade da face da terra e assim deu-se início a um período de horror e devastação. Porém, uma pequena parcela da população sobreviveu, mostrando que não iriam desistir tão fácil.Adaptando-se ao ambiente que se tornou radioativo, os humanos lutam pela sua sobrevivência, rendendo-se a um governo opressor que se formou a fim de restaurar a ordem, mas será que em meio ao caos é possível se ter ordem?Um grupo “rebelde” acredita que não e eles são conhecidos como Os Filhos da Natureza. Sam, um garoto aparentemente normal, que vivia na Aldeia apenas como mais um trabalhador humilde a lutar pela sua sobrevivência, descobre coisas inacreditáveis ao receber uma missão de seu pai. Tais coisas podem mudar o futuro de toda a Nova Era. Será que ele vai conseguir dominar aquilo que está dentro de si? Será que Sam é um verdadeiro Filho da Natureza? Aventure-se por estas páginas e descubra junto com Sam que, para superar desafios, é preciso lutar e ser persistente. 




Adquira em pré-venda 

Hey amores e amoras! Esse livro foi uma grata surpresa! A parceria com a autora, Isis, foi algo surpreendente e maravilhoso. Super dedicada e gentil, respondeu a todas as minhas dúvidas e foi mega fofa com o envio do livro e a parceria. Por isso, antes de mais nada, quero agradecer por ter me permitido conhecer seu trabalho Isis. Muito obrigada!

Não estava esperando essa parceria, muito menos ainda me apaixonar tanto por essa história! O primeiro impacto que tive com o livro, foi causado pelo título. O nome O Filho da Natureza me intrigou um bocado! Mas quando eu vi a capa, soube que precisava lê-lo logo.

A sinopse só aumentou minha ansiedade. Pensa em uma alegria quando a pessoa viu que era distopia?! kk. Sim meus amores, trata-se de uma distopia sim. Mas o livro também mescla fantasia e ficção científica. Por isso, eu super aconselho que ao começar a leitura, você não crie expectativas. Deixe a mente aberta e se joga! kkk. Garanto que assim, a leitura vai se tornar ainda mais saborosa.

O livro conta a história de Sam. Um jovem, que vive na conhecida apenas como "Aldeia", em um mundo pós apocalíptico. A terra foi devastada a cinquenta anos, pela própria natureza. Que tão cansada de ser maltratada por nós, resolveu por um basta em tudo. Terremotos, maremotos, tsunamis, furacões e tempestades, são apenas algumas das coisas que acontecem logo no início do livro.

Após a "Devastação", modo como chamam a fúria da natureza, as pessoas que sobreviveram se aglomeraram em lugares diferentes. Formaram-se então cidades, governos, territórios controlados por autoridades mundiais, e as aldeias. Lugares pobres, onde as pessoas lutam para sobreviver. Já na cidade, as coisas são muito diferentes. Os habitantes ainda vivem em luxos como os nossos. Luz, aparelhos eletrônicos, eletrodomésticos e muitas outras coisas, que o povo da aldeia nem conhece.

"Eles vivem, enquanto o governo submete os moradores das Aldeias a sobreviver."

Sam mora em uma dessas aldeias. Mas o menino sonha com o dia em que poderá ir embora e se aventurar pela floresta. A floresta faz fronteira com a aldeia, mas nem de longe, é um lugar seguro e tranquilo. A devastação natural, causou mais do que apenas mortes. Ela causou explosões nucleares. O que levou a mutação genética em pessoas e animais. Assim como na terra, nada mais pode ser cultivado, pelo nível de radioatividade no solo.

"Eu pertenço à natureza, ao ar livre e quando tiver a oportunidade, é na floresta que eu vou morar. Algumas vezes, posso até jurar que ouço as árvores me chamando, dizendo que lá é o meu lugar."

Essas mutações geraram os conhecidos como "Coisa". Pessoas que devido a radioatividade, sofreram mutações, transformando-se em monstros. Motivo pelo qual o povo da aldeia nunca sai ao anoitecer. Mas Sam não se conforma com o estilo de vida que leva. E antes que ele possa mudar de ideia, uma única noite é capaz de mudar sua vida bruscamente.

"Eu pensei naquela criança a noite toda. Ela ainda pagava pelos erros que seus antepassados haviam cometido durante anos, sentados em seus sofás confortáveis, aproveitando um ar condicionado de última geração enquanto a mãe natureza aos poucos acumulava rancor. A natureza não teve pressa e nem piedade."

Confesso que nesse início de livro, eu achei que a narrativa iria seguir o mesmo estilo das demais distopias. Não podia estar mais enganada! Depois desse início de história os acontecimentos do livro voam! Não dá nem para piscar, o medo de perder algo importante é grande! kk. O ritmo do livro se torna viciante e não dá para largar.

O que eu achei mais legal, é que depois da leitura, parei para analisar essa fluidez da autora na escrita. Talvez, eu aprofundasse mais algumas cenas ou explorasse mais alguns acontecimentos. Mas esse é o ritmo da história. O que me impressionou, porque eu me senti correndo com Sam. Não há tempo para sentar e analisar qual a melhor saída. É tudo em alta velocidade aqui! kk. Tudo muito rápido, muito humano, muito real. Afinal, não creio que se algo assim acontecesse  na vida real, teríamos tempo para parar e pensar no que fazer.

O livro é, o tempo todo, uma luta pela sobrevivência. Sam se vê sem saída. E ao tentar fugir do governo, que acredita que seu pai seja um rebelde, ele perde tudo de mais precioso. Seus pais. A floresta e a liberdade nunca lhe pareceram tão amargas. E agora, a vida é apenas "sobreviver".

"A natureza me deixa mais forte."

No meio de sua fuga, Sam encontra Cat. Uma menina doce, engraçada e tagarela, que rouba a cena. É nessa parte que a história fica ainda mais interessante. Com Cat, vamos descobrir sobre os verdadeiros rebeldes, Os Filhos da Natureza, sobre os "poderes" de alguns geneticamente modificados e alguns segredos chocantes sobre a verdeira origem de Sam.

Sam, assim como Cat, faz parte da lista de pessoas com poderes. Se juntar a eles nessa jornada de auto-descoberta sobre seus dons, acompanhar a evolução deles como pessoas e o desenvolvimento de um lindo e muito fofo, romance entre os dois, me deixou completamente satisfeita com a história. Na verdade, eu diria que superou minhas expectativas.

"Eu não aguento minha própria confusão, mas quero passar todos os minutos da minha vida preso na sua confusão."

A autora consegue manter um nível de suspense delicioso durante a história. Eu fiquei o tempo todo me perguntando o que viria a seguir, e era sempre surpreendida por algo que jamais imaginei! Adrenalina pura! haha.

Os personagens são sensacionais! Sam e Cat são meus favoritos. O Sam é um jovem que ainda tem muito o que amadurecer, mas já possui um coração sábio e bondoso. Sua confusão e fragilidade me fizeram o guardar no coração. Queria entrar no livro e tirá-lo de lá. É muito sofrimento, para uma pessoa cheia de fofura. Sofri muito com ele!

A Cat é responsável pelas cenas engraçadas do livro. Ri muito com ela e seu jeitinho moleca de ser. Cheia de surpresas, dispensa apresentações. Doce, divertida, ingênua e muito cabeça dura, Cat é uma personagem inesquecível e apaixonante.

"Eu devia fazer isso, afastar-me mais e me importar menos, mas não posso. Principalmente, não consigo e nem não quero."

Os personagens secundários também dão um show! A Maria, melhor amiga de Cat é um amorzinho de pessoa! Já o Steave, um personagem bombástico, me deixou confusa. Não sei se posso confiar em alguém depois do final do livro... kk. Adam, o pai de Sam, é um mistério só. E a mãe de Sam é a pessoa mais maravilhosa da história. Uma mulher cujo passado conta uma história surpreendente e triste.

Mas o livro ainda está rodeado de mistérios que o final não revelou. Embora, o final da história tenha me deixado com o queixo caído por uns bons 30 minutos. Isis, como pôde? kk. Morta de curiosidade para saber o que virá no próximo! Não esperava tamanha traição. Fiquei chateada... Minha confiança nesses personagens está abalada. Vou ficar de olho em todos agora! kkk. Sério, o final é bombástico e estarrecedor. Louca pela continuação!

Uma história imprevisível sobre amor, perdas, mentiras, traições e auto-descoberta. Dois jovens em um mundo devastado, que após se acostumarem com suas vidas, veem seus mundos serem destruídos de novo. Dessa vez, pela verdade. Em meio a tantos problemas, mundos, poderes e fantasias, um amor entre duas pessoas tão poderosas, poderá mesmo florescer?

Bom meus amores, é isso! Espero que tenham gostado e deem uma chance para o livro. Novamente, parabéns a editora Arwen pelo lindo trabalho com a história! E meu muito obrigada a Isis, pela oportunidade. Você ganhou uma fã! rs

Ah, o livro vai estar no stand da editora, na Bienal de SP esse ano! Quem tiver por lá aproveita!! Parabéns pelo sucesso Isis! E que venha "A Filha da Vingança". amei esse título!!! \o/ 

Espero que tenham gostado e me contem o que acharam!


Mil beijokas e até breve! ^ ^ 

6 comentários:

  1. Anya amei a resenha ♥ Obrigada pela sinceridade, fico feliz que tenha gostado da historia.
    Até o próximo livro ;*

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Isis! Mega feliz de te ver por aqui.
      Fico ainda mais feliz que tenhas gostado da resenha.
      Até o próximo livro com certeza!
      Mil beijokas :*

      Excluir
  2. Oi, Anya!
    Nossa! Eu não conhecia o livro, mas já quero ler. Fiquei bastante interessada, principalmente quando você disse que ele foge das distopias atuais.
    Beijos
    Balaio de Babados
    Participe da promoção de aniversário do blog Crônica sem Eira

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Lu!
      Que bom que você gostou da resenha! Fico ainda mais feliz que tenha se interessado pelo livro. Eu super recomendo, é muito bom!
      Menina, aproveita que a autora tá fechando parceria!! Faz uma visita ao twitter do livro ;)

      Excluir
  3. Anya lindaaaaa ♥
    Que resenha maravilhosa ♥
    A capa é linda e a sinopse me deixou curiosa, mas depois de ler a sua resenha já quero muito ler :)
    Quero saber quem foi o(a) traidor(a) kkkkk..... quero saber o que aconteceu no final
    Aiiii minha curiosidade rsrsrrsrs.....
    Parabéns pela parceria, você merece muito ♥
    ótimo final de semana
    bjo

    Tati C.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Tatiiiiii!
      Obrigada linda! A capa realmente é de parar o core né? A sinopse me deixou desesperada para lê-lo! kkk. Que bom que te fiz querer ler a história. Você vai amar!
      Ai, o final é uma bomba! E o traidor... Eu não esperava (voz de choro kkk)
      Sou curiosa também, então, pessoa me abraça! \o/ kk
      Obrigada sua linda! Essa parceria foi realmente muito especial.
      Um ótimo fim de semana para você também!
      Mil beijokas.

      Excluir

Quer me fazer feliz, ou curtiu a matéria? Comente! Sua opinião é o mais importante! Ah, deixe seu link que terei prazer em retribuir o carinho ;)

© Nome do seu Blog - 2016 | Todos os direitos reservados.
Desenvolvimento por: Jaque Design | Tecnologia do Blogger.
imagem-logo