12 Cartas 12 Meses - #Fevereiro




Hey meus amores! É chegada a hora, o grande momento, aquilo pelo que tanto esperei! Hora de escrever uma carta, à um personagem... Mas justo quando o momento chegou, eu fiquei me perguntando, para quem escrevo essa? rsrs.

Mas pra você, que caiu de paraquedas por aqui Seja muito bem-vindo e volte sempre, inclusive! rs vou explicar o que é o projeto 12 Cartas 12 Meses. O objetivo do projeto, é que escrevamos 12 cartas, uma a cada mês do ano. E durante esses 12 meses de 2017, escreveremos cartas aos mais diferentes temas. Ou seja, vai ser um máximo! haha. {Se gostou e quer participar ou conhecer melhor, é só clicar no nome do projeto aqui em cima e ser feliz!

O tema desse mês, como já dito, é escrever uma carta à um personagem. Meu conflito começou aí... Afinal, com tantas perdas e amores, para quem dedicar uma carta? 

Então meu critério de escolha foi esse: escreva para alguém a quem você realmente tenha algo a dizer! Okay, parece banal e um pouco clichê? mas eu poderia escrever para um personagem de quem gosto muito, ou de quem sinto muita falta. Para alguém que teve um final injusto, ou que me inspirou e me fez mais feliz... Mas não era o que eu queria. Precisava aproveitar a oportunidade, e foi o que eu fiz. 

Com o critério resolvido e explicado, minha cartinha desse mês é endereçada a Cassie Sullivan, a minha diva de A Quinta Onda. A escolhi porque sinto que tenho muito a dizer à ela. Errei um pouco em meus julgamentos, não a entendi em vários momentos, e no fim, quando entendi tudo, senti que precisava me desculpar e lhe dizer o quanto ela era brilhante como a constelação que lhe batizou, Cassiopeia. 


Querida Cassie, 
Posso começar assim? Ou devo lhe chamar de Cassiopeia? Creio que não, então manterei-me com seu apelido. Longe de mim querer te irritar. Até porque, essa é quase apenas uma carta de desculpas. 

Acredito que esteja se perguntando o porquê de uma estranha lhe escrever uma carta, com um pedido de desculpas. Mas não é tão estranho quanto parece. Vou lhe explicar.

Lembra que enquanto o mundo acabava você escrevia um diário, escondida na mata, mantendo dentro de si, a esperança inabalável de que recuperaria seu irmãozinho, Sam's? E que nele ia contando todas as coisas terríveis pelas quais teve que passar para, ao menos, sobreviver ao infindável estrago causado pelas Ondas e os Outros? Pois é, através dele, o diário, eu acompanhei tudo. Cada passo seu, cada jornada e nova batalha. E eu sorri, eu chorei, eu lutei e estive com você em cada uma daquelas páginas. Sua dor, foi minha também; Suas lágrimas, escorreram do meu rosto também e sua força, eu apanhei um pouquinho, para usar por aqui quando precisar. Espero que não se importe...

Bom, não vou me ater a detalhes, porque não posso. Mas sei o quanto sofreu em silêncio. Se vestiu em uma armadura de fúria para esconder o medo, o vazio e a dor que sentia. E embora muitas vezes eu tenha ficado bem zangada por você descontar esse sentimento nos outros; aqui lê-se Evan okay? rs. Não resisti, desculpe!; nunca consegui desgostar de você. Sempre torci pelo seu sucesso, porque era meu também. E no fim, bom...eu te entendo agora. 

Sabe o mais engraçado? Nos parecemos muito! Em muitos aspectos. não há nada de engraçado nisso... Acho que por isso, quando te via parecendo uma fera enjaulada arranhando em todas as direções, me sentia angustiada. Ver você caminhando ao caminho contrário do que ainda restava, que podia te fazer feliz, foi difícil! Afinal, eu queria vê-la feliz, ao menos uma vez. Quem diria que o mais próximo que eu chegaria disso, seria algo tão surpreendentemente... surpreendente! É, você tem essa qualidade, me deixar sem palavras. 

Sua sagacidade, sarcasmo e determinação, sempre me fascinaram. Mas você estava muito engajada em vencer, sobreviver, lutar, permanecer, para ver que ainda havia uma chance, mínima, de ser feliz por alguns instantes, em alguns momentos... E é por isso que peço desculpas. Não por não ter podido dizer ou fazer algo por você. Não ajudaria em nada, você só escuta o que quer ouvir, sua turrona! 

Mas peço desculpas por não ter visto antes, por ter te julgado antes do tempo, por ter te desacreditado em alguns momentos e por não ter percebido o que acontecia. Achei que aquela era você. Mas me enganei, era só uma fachada, um muro, muito bem construído, à prova de mais sofrimentos. O mais triste e belo disso tudo, é que por mais difícil que tenha sido, no fim, aprendemos ambas, nossa lição. Sim Cassie, você é a humanidade! Queria que soubesse disso.

Me desculpe por só perceber isso, quando você teve de provar quem era. Sua coragem, seu altruísmo e ato de amor, me mostraram, que como diria Tris, as pessoas são cheias de camadas. E mesmo quando escolhemos conhecê-las, quando achamos que as conhecemos, não conhecemos tudo. Cabe a nós assumirmos o risco por nossa própria conta. E no seu caso, isso valeu todas as lágrimas, a raiva e a frustração, que senti contigo durante esses três capítulos da tua jornada épica. 

As palavras mais bonitas ditas por você, quando era a humanidade, caminharão comigo para sempre. Jamais me esquecerei: "O amor é para sempre. Se não fosse, não seria amor. O mundo é maravilhoso. Se não fosse, não seria o mundo." 
Veja só, como crescemos juntas! 

P.S.: Vou sentir sua falta Efemérida... 

Carinhosamente, Anya.
E aí amores, o que acharam da minha cartinha? Está um pouco emotiva e melancólica né? Eu sei. Mas essa trilogia foi tão importante, essa personagem em especial me cativou tanto, que eu simplesmente precisava dizer isso à ela. E com o fim da trilogia, só o que me resta é a saudade então... 😭😭😭 haha. 

Não deixem de me contar o que acharam, e fiquem ligadinhos que mês que vem tem mais! Mas e vocês? À que personagem fictício escreveriam uma carta?? 📩 

Hey, não vá embora sem me contar o que achou! Sua opinião é super importante para mim. Ah, e não se esquece de se tornar um livreiro, seguindo o blog aqui do lado na sidebar e nas redes sociais! 😉


Mil beijokas e até a próxima! 💋👋

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Quer me fazer feliz, ou curtiu a matéria? Comente! Sua opinião é o mais importante! Ah, deixe seu link que terei prazer em retribuir o carinho ;)

© Nome do seu Blog - 2016 | Todos os direitos reservados.
Desenvolvimento por: Jaque Design | Tecnologia do Blogger.
imagem-logo