Resenha: Reviver (Arise)

                                                                                                                    

Autor(a): Tara Hudson
Páginas: 343
Classificação: 3/5
Sinopse: Uma noite vai mudar drasticamente a existência de Amélia… mais uma vez!
Nesta continuação de Hereafter, Amélia precisa proteger as pessoas que ama dos demônios. Eles ameaçam fazer mal a todos os que a cercam e querem arrastá-la de vez para o submundo. Ela só tem uma escolha… desaparecer para sempre. E abrir mão do seu verdadeiro amor, Joshua. É quando um ritual vodu transforma a sua realidade. Algo volta a pulsar de forma surpreendente em Amélia!
        
Hey amores! Essa série é muito querida por mim. Desde o primeiro livro, Hereafter. Que eu fiquei completamente apaixonada pela escrita envolvente da Tara. Mas, nesse livro eu encontrei algumas coisitas que não me deixaram muito feliz não...

O livro começa de uma forma bem interessante, me prendeu logo de início. Fez aquele suspense dramático ,que é a cara da Tara, e pronto. Lá estava eu babando que nem um cachorrinho na frente do livro! O mais gostoso da leitura desse livro é o misto constante entre o obscuro e o fofo. Eu nem preciso dizer que amo os personagens principais né? A Amélia Ashley, como eu adoro esse nome fashion gente! rsrsrsrsr, é uma heroína! Ao contrário daquelas mocinhas que esperam segurando o queixo em suas janelas, ela vai e faz! Corre atrás não fica lá esperando que um anjo caia do céu para salvá-la. Nada contra as que esperam, afinal eu amo muitas delas, mas eu gosto muito dessa atitude na Amélia.

"Enfrentei o medo e mantive a cabeça erguida para que meu pai pudesse ver — se ele pudesse me ver naquele momento — que a coragem de sua filha havia sobrevivido à
morte."

E o Joshua Mayew... Ah, Joshua.... #suspiros# Ele é incrível! Otimista, lindo, fofo, e um cara que está sempre para o que der e vier! Ele está sempre com ela, buscando ajuda e alternativas para os problemas que vem surgindo na velocidade da luz constantemente. E eles juntos são incrivelmente perfeitos! Eu não estou exagerando não, quando eu digo perfeitos, quero dizer almas gêmeas mesmoooo! Eles se completam, e eu acho isso fascinante!

"Essas eram as coisas que eu quisera sentir completamente quando nos conhecemos. E
agora tinha de agir como uma ladra, roubando esse momento dele."

Mas como nem tudo são flores... Eu senti falta de um pouco mais de desprendimento da parte da autora. Ela se mantém sempre tão presa a vida nada fácil da Amélia, que ela mantém tudo entre eles sempre a mesa coisa, e isso irrita um pouco... Eu sempre espero aquele algo a mais, e ele nunca vem. É como um grande balde de água fria! Não que eu não goste do que eles tem junto. Ao contrário, eu realmente admiro! Mas sinto falta de uma variada de vez em quando. 

Outra coisa que eu não gostei nem um pouco nesse livro, foi o desenvolvimento dele. Embora flua como água, e flui mesmo, não gostei de como as coisas se desenrolaram. Não sei bem em si, o que foi. Mas não gostei! Acho que ela jogou muita coisa sem nos dar tempo para digerir direito. Foi tudo muito corrido, ficou forçado. É como se ela precisasse "encher linguiça"...  Ela não explicou nada direito! Até hoje não sei o porque de os demônios a perseguirem! E o que aconteceu com o final... foi como se a autora quisesse repetir o modo como terminou o primeiro, e não soubesse como. Pareceu forçado e se tornou,aos meus olhos, desnecessário!

"Aquele garoto consegue desaparecer como um fantasma."

Isso não interfere de maneira nenhuma no quanto eu gosto da história, mas é preciso citar os pontos negativos também. Além de tudo que eu já disse de ruim da história, descobri recentemente que vai ter um fim nada bonito. E meio que eu estou de saco cheio de começar uma série cheia de esperanças, torcer por um romance "Impossível", coloquei entre aspas porque bem sabemos que os escritores sempre dão um jeitinho quando querem, e no fim dar com meus burrinhos n'água! Já estou precisando de burrinhos novos!!!

Brincadeiras a parte, não consigo mais me conformar com isso! Sério meu povo até quando isso vai durar? Já está virando padrão de fim de séries! Mas essa é outra história... 

O que importa é que nesse livro tudo está bem, por enquanto, e algo realmente surpreendente aconteceu com a Amélia! Quando vocês lerem o livro vão entender o: "Os autores sempre dão um jeitinho quando querem ;)"  Ela realmente me deixou de queixo caído e perplexa com esse novo rumo da história! E é por isso que eu não entendo o final da série! Se vai terminar dando tudo errado, pra que renovar nossas esperanças? E isso muda a vida de Amélia, algo realmente surpreendente volta a pulsar dentro dela de uma forma completamente inesperada! Acho que essa sinopse revelou demais né?

Diante a tantas coisas acontecendo, ela nem percebe os inimigos se aproximando. E quando eles chegam perto demais, é necessário tomar medidas drásticas! Mas ela é uma garota perspicaz!!! E como sempre na hora do aperto, sempre sabe o que fazer!  

Com a vida das pessoas que ama em risco. Amélia é capaz de tudo para deter os inimigos. Conhecemos bastante gente nova e interessante nem tanto nesse livro. Tem uma exploração mais ampla dos poderes do Josh, e sua família. O que realmente, não foi nada bom. E tem uma pessoinha linda que conheci nesse livro e por quem foi amor a primeira vista! A fantasminha camarada, quer dizer Rediviva, Gaby! Que com um fim trágico nos deixou em muito pouco tempo! :(  Inteligente, ousada, imprevisível e meio maluquinha. Foi a amizade que faltava na vida da Amélia.Posso dizer que em grande parte, ela salvou o livro!  E o seu irmão Félix. Que além de fofo, é muito paciente e sofreu muito! Mas que nem por isso deixou de ser uma pessoa simplesmente especial. 

E o termo citado, é a mais nova forma de nossa ex-fantasminha. Nem sei se existe esse negócio de ex-fantasma... rsrsrsrsrs. Bom, mas é isso que ela é agora! Uma mistura entre fantasma e humano, que não dá para explicar! Não sei se gostei disso, trouxe uma consequências nada boas para a vida já nada fácil da nossa heroína. Mas em resumo, embora um pouquinho bagunçado, é um ótimo livro! Recomendo e muito, para os amantes de histórias fantasmagóricas e aqueles apaixonados por amores impossíveis! Uma única dica: Amores impossíveis, são sempre impossíveis. E infelizmente não há nada que possamos fazer para mudar isso... Com umas cenas bem fofas e até comoventes, me fez refletir sobre a importância das coisas bobas da vida. Como uma frase engraçada que só nós conseguimos entender a graça, algo compartilhado que mesmo pequeno tem um significado infinito... E até onde estamos dispostos a ir pela segurança de quem amamos, independente da nossa própria.
"— Eu juro — murmurei junto à camisa dele — que não devia sentir tanta
saudade depois de só duas horas."

Empolgante e carismático, Arise, vai te conquistar logo na primeira página! Com um toque de mistério, muita ação e aventura, flui rápido. Um livro pra ler de uma tacada só!

Para Ler Ouvindo: The Fray - Run For Your Life

                    
Espero que tenham gostado e que não deixem de comentar!
Bjokas e até a próxima.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Quer me fazer feliz, ou curtiu a matéria? Comente! Sua opinião é o mais importante! Ah, deixe seu link que terei prazer em retribuir o carinho ;)

© Nome do seu Blog - 2016 | Todos os direitos reservados.
Desenvolvimento por: Jaque Design | Tecnologia do Blogger.
imagem-logo